O que você não deve ignorar para ter estabilidade financeira

O que você não deve ignorar para ter estabilidade financeira

Pensei em iniciar esse artigo perguntando se você gostaria de ter estabilidade financeira, mas achei uma pergunta inocente. Eu sei que você sabe que você quer. Ou você não teria aberto este link, seja lá onde você o encontrou.

Basta comparar as ideias:
1) alguém que vive a cada salário, contando cada centavo que ganha para que consiga pagar tudo que precisa mês a mês, ou;
2) alguém que está tranquilo, possui diferentes fontes de renda, e está planejando uma viagem com a família para uma cidade diferente para aproveitar o que ela tem a oferecer.

Na segunda ideia, temos a imagem de alguém que atingiu a estabilidade financeira, está seguro do dinheiro que tem, e preparado para uma época de crise. Enquanto na primeira temos uma situação de alguém que está com a corda no pescoço, se precisa de cada salário para sobreviver o mês. Sim, sobreviver, pois se algo der errado ele estará em uma situação difícil de sair.

Então, sabendo o que você quer, vamos às dicas de como você vai alcançar a sua estabilidade financeira.

Aprenda a poupar sempre que possível

Se atingir a estabilidade é uma arte, poupar faz parte.

Aprenda a poupar

É importante você ter um fundo de segurança para caso algo dê errado no caminho. Os economistas dizem que você deve ter pelo menos 6 vezes o valor que você precisa mensalmente para se garantir em uma crise. Você pode estipular um valor maior ou menor, pense conforme o seu mercado de trabalho.

Uma dica para poupar é definir uma mensalidade que você dedicará a uma segunda conta, pode ser uma poupança, mas que será este fundo de segurança. Muitos recomendam 10% do salário líquido. Mas não é um valor fixo. Mas quanto mais você guardar, mais você terá neste pé de meia para futuras crises ou investimentos.

Outra ato que ajuda a poupar é não comprar por impulso. Evite comprar eletrônicos sem fazer uma boa pesquisa, observe as promoções como Black Friday.

Dependendo do seu estilo de vida atual, você precisará abrir mãos de alguns luxos. Eu, por exemplo, adoro sushi, mas sei que é caro. Então me limito a ir uma vez ao mês.

Sempre que você notar a necessidade de um sacrifício, pense que é ruim agora, mas será muito melhor depois.

Analise como você cuida das suas finanças

Saiba como você está gastando o seu dinheiro. Isso pode revelar alguns bons e maus hábitos que você tem na hora de buscar a estabilidade financeira.

Planilha de Controle Financeiro Grátis

E relaxe, você não tem que abrir mão do seus 50 centavos no cafézinho da esquina antes do trabalho.

Coloque todos os seus gastos em uma lista, se possível dê categorias aos gastos, como “compras para casa”, “gasolina”, etc. Assim você saberá para onde o seu dinheiro está indo. Dependendo do seu gasto com gasolina, por exemplo, utilizar o transporte público pode ser uma boa opção.

Analise com frieza, e pensando na sua estabilidade financeira no futuro. Corte o que for desnecessário, e adapte alguns gastos, troque algumas marcas. O importante é que no futuro você tenha dinheiro de sobra para poder escolher outros luxos.

Livre-se das dívidas e juros – compre tudo à vista (preferencialmente)

Analise as finanças em busca da estabilidade

Se você está pagando juros, é porque você não tem pena do seu dinheiro.

Pense que o dinheiro de juros por não ter pago todo o cartão de crédito, ou ficar sempre no vermelho do cheque especial, é dar para o banco (ou outra instituição) um valor por não ter quitado esses valores. Acho que você gostaria de ficar com esse dinheiro, certo?

Então vamos nos preparar para liquidar essas dívidas, quitar o cartão e lutar para manter a sua conta positiva durante todo o mês. Você perceberá que até o próprio banco vai querer conversar contigo para te ajudar a cuidar melhor ainda do seu dinheiro.

Outra dica é pagar à vista tudo que for possível. A razão? Negociar descontos. Mas é claro que nem sempre vale a pena. Isso não é uma regra, mas uma dica para economizar pelo menos uns 5 ou 10% em cada compra.

Outra dica é pegar este dinheiro economizado e guardar para investimentos.

Mas não tome isso como regra. O cartão de crédito é, SIM, um ótimo produto financeiro e pode ajudá-lo a chegar na sua estabilidade financeira.
Caso não seja possível o desconto para pagamento à vista, o cartão de crédito deverá ser utilizado para que você ganhe alguns dias até o pagamento da fatura. Lembre-se: você só deve comprar se tiver o dinheiro para pagar – os juros do cartão no Brasil são os maiores juros DO MUNDO!

Em outro post falaremos mais sobre a estratégia de utilizar o cartão de crédito para ganhar dinheiro com juros!

Aprenda a investir na sua estabilidade financeira do futuro

É claro que não basta apenas poupar. Você precisa fazer o seu dinheiro guardado trabalhar para você.

Existem milhares de formas de investimento, se você não é criativo ou não quer se arriscar, comece deixando o dinheiro em uma conta poupança.
Hoje, início de 2016, a inflação está maior do que o juros pagos na Poupança. Procure saber sobre os Títulos do Tesouro Direto – a melhor opção atualmente para substituir a poupança.

Leia o que puder sobre investimentos, procure por materiais gratuitos, ou troque alguns e-mails com nossos consultores através do formulário de contato.

Proteja seu patrimônio e sua família

Nunca esqueça que a vida é feita de desafios, e alguns podem desestabilizar completamente a vida financeira de uma família.

Contratar Proteções de Patrimônio e Vida são os melhores conselhos que alguém poderia dar pensando no futuro da sua família.

Você pode ver alguns exemplos aqui.

Aproveite as coisas simples

Este último é destinado especialmente para quem estiver mais apertado.

É uma tomada de escolhas por coisas mais simples e que evitarão gastos futuros. Por exemplo, ao invés de fazer uma viagem para o nordeste ou exterior, para ficar em um hotel 5 estrelas. Que tal se você viajar para um lugar mais próximos, ficar em um hotel 3 estrelas?

São pequenos sacrifícios feitos agora que você colherá no futuro em algo maior. Infelizmente, a maioria das pessoas não consegue atingir a estabilidade financeira sem sacrificar um mínimo do conforto atual para que garanto no conforto futuro.

0 Comments